Ínicio > Gatos > Comportamento-felino > OS BICHANOS E SEUS ESPACOS

OS BICHANOS E SEUS ESPACOS

OS BICHANOS E SEUS ESPACOS

Você mora em casa ou apartamento e tem um gatinho de estimação?

Então, com certeza você já deve saber que os felinos são animais muito territorialistas, que adoram uma rotina e que sempre terão bem delimitadas as áreas para comer, dormir, etc. O gato pertence à casa. Gostam de cantinhos apertados, seguem uma rotina e estranham pessoas que não conhecem. Aliás, uma mudança no seu território ou no local onde moram pode provocar um grande stress aos bichanos. Nesse sentido, conhecer bem o modo como funciona a distribuição do território dos gatos, não só irá ajudar a prevenir problemas como também a contribuir para a sua felicidade.

Com base na mentalidade de um gato, podemos identificar, no mínimo, três tipos de território:

ÁREA DE ISOLAMENTO

É onde o seu gato se sente mais seguro e confortável. Por isso, se recolhe para esta área quando pretende descansar ou ficar quietinho. Também é importante que ele tenha um local dentro deste espaço para se refugiar, uma casinha, ou uma toca. Um local onde nem as pessoas nem os outros animais tenham acesso.

ÁREA DE ATIVIDADE

São os lugares da casa onde o seu gato brinca, caça e convive com pessoas e outros animais. É neste espaço que se deve providenciar áreas diferenciadas para sua higiene, alimentação e hidratação.

Nesta divisão, compreende-se o banheiro, mas deve estar afastado do local onde se alimenta. Os gatos são limpos e não se alimentam perto de onde fazem suas necessidades.

Lembre-se que a disponibilidade de potes de água não deve estar limitada a apenas uma área, uma vez que gatos tendem a beber pouca água e o simples fato de espalhar diversos potes de água pela casa, auxilia no aumento da ingestão hídrica e da saúde do trato urinário.

ÁREA DE AGRESSÃO OU CAÇA

É a extensão do território que o gato defende, embora ele não passe a maior parte do tempo aí. Por exemplo, pode ser o jardim de sua casa, a varanda ou os arredores. Esta área é sempre importante para que o gato pratique seus instintos de caça e defesa.

 

Levando em conta estas necessidades territorialistas, quando estiver  organizando o espaço destinado ao seu gatinho, você irá ajudá-lo e muito a se sentir o mais confortável possível.

Os gatos estabelecem um vínculo afetivo com o espaço em que vivem, por isso marcam seus espaços para organizá-lo, para se orientarem e informarem outros animais.

Apesar de serem invisíveis para os nossos olhos e imperceptíveis para o nosso nariz, certamente a sua casa estará repleta de marcas olfativas que eles deixam ao roçar com o queixo, cabeça, e as costas e também marcas visuais (como arranhões) que o gato utiliza para marcar as suas áreas. Outras marcas, porém, podem ser bastante evidentes, como por exemplo a marcação com xixi.
É normal que, diante de uma mudança, como a chegada de um novo membro à família, o gato reaja deixando mais marcas.

Geralmente este comportamento se mantém durante algum tempo e, se os espaços forem respeitados, passados alguns dias tudo voltará ao normal.

Agora seu lar está pronto para receber esse novo amigo e companheiro fiel!

 

Escreva um Comentário

Avalie o post: *

Artigos Relacionados