Ínicio > Cães > Saude > Como cuidar da pneumonia canina

Como cuidar da pneumonia canina

Como cuidar da pneumonia canina

A pneumonia canina é uma doença que deve ser tratada assim que surgir os primeiros sintomas, pois se trata de uma inflamação dos brônquios e pulmões do seu animalzinho de estimação e pode oferecer sérios riscos a sua vida.

Como saber se o cachorro está com pneumonia?

A pneumonia em cães costuma aparecer depois de uma doença mais simples, que promove uma queda da imunidade do animal. Muitas vezes, ela é confundida com uma gripe em cachorro, por isso, se torna importante saber identificar os sintomas da pneumonia em cães para procurar ajuda de um médico veterinário. Alguns deles são:

  • Cachorro tossindo
  • Febre canina
  • Desidratação
  • Dificuldade para respirar
  • Cachorro sem apetite
  • Boca e língua com tonalidade azulada
  • Vômitos e engasgos.

Como saber se o cachorro está com gripe?

Os sintomas da gripe canina são parecidos com os nossos quando estamos com gripe. Uma vez exposto ao vírus, leva em torno de 2 à 5 dias para se instalar no organismo e o pet apresentar sintomas como:

  • Espirros;
  • Tosses;
  • Diarreia;
  • Mal-estar;
  • Secreção nasal;
  • Febre.

Como saber se o cão está com febre?

A temperatura normal dos cães varia entre 37,5°C a 39,5°C, se estiver abaixo ou acima disso, é bom ficar alerta e procurar um veterinário. Temperaturas acima de 40°C indicam perigo e caso de emergência, pois pode ser fatal. Mas como saber se o cão está com febre? Fique de olho nos seguintes sintomas:

  • Perda de apetite;
  • Mal-estar;
  • Sonolência;
  • Olhos opacos;
  • Vômitos;
  • Diarreia;
  • Tremores no corpo.

Além da baixa imunidade, o agravamento de certas doenças também leva à pneumonia canina, como a tosse dos canis(Traqueobronquite Infecciosa Canina) e o vírus da cinomose. Outros fatores, como a contaminação por bactérias, vírus e protozoários, podem ser destacados. É mais comum o aparecimento desta doença em cães idosos, cães de pequeno porte e nas raças Pequinês, Poodle Toy, Yorkshire, Chihuahua e Lulu de Pomerania.

Sintomas da pneumonia canina

Quanto mais cedo a pneumonia em cães for diagnosticada e o tratamento iniciado, melhor para a recuperação do animal, por isso, preste atenção aos sintomas para conseguir identificar a doença e buscar um tratamento:

  • Dificuldade para respirar;
  • Cachorro tossindo;
  • Corrimento nasal;
  • Cachorro sem apetite;
  • Desidratação;
  • Latidos roucos;
  • Febre canina;
  • Boca e língua com aparência azul;
  • Vômitos e engasgos.

Tratamento para pneumonia canina

É importante destacar que apenas um veterinário pode dar o diagnóstico preciso por meio de exames clínicos e laboratoriais. O tratamento para pneumonia canina depende do agente causador e do estágio da doença. Pode-se receitar anti-inflamatórios, diuréticos, expectorantes, antibióticos, reposição de líquidos e, em alguns casos, pedem até mesmo a internação.

Escreva um Comentário

Avalie o post: *

Comentários - Como cuidar da pneumonia canina

Maria de Lourdes Tavares de Moura

É MUITO BOA AS INFORMAÇÕES EPRODUTIVAS

sirley gomes

parabens

Elene Cinthia da Silva e Silva Maciel

Muito bom esse POST. Contém informações que ajuda bastante no socorro do nosso pet.

Maria Neuza

Me ajudou muito

Artigos Relacionados