Ínicio > Cães > Comportamento > Acabou de adotar um cachorro? 10 dicas para ser a mamãe do ano

Acabou de adotar um cachorro? 10 dicas para ser a mamãe do ano

Acabou de adotar um cachorro? 10 dicas para ser a mamãe do ano

Adotar um cachorro é um gesto incrível e acreditamos que todos os animais merecem um lar cheio de amor. Por isso preparamos uma lista com 10 dicas para você ser a mamãe do ano!

  • Escolha a melhor ração para cães

Se você quer ter um cachorro saudável, invista em uma ração para cães como a Max Professional Line — um alimento Premium Especial, livre de corantes e aromatizantes artificiais, contém ingredientes de alta qualidade como a linhaça (fonte de ômega-3) e também é uma excelente fonte de carboidratos. Oferecer uma alimentação canina de qualidade é sinônimo de longevidade.

  • Brincadeiras para cachorro

Cães são animais muito ativos e precisam estar sempre em movimento. Por isso é importante que você separe alguns minutinhos do seu dia para fazer seu pet feliz, ou seja, brincar com o cachorro! As brincadeiras ficam muito mais divertidas com a sua companhia e, além disso, ajudam a desenvolver a obediência, compreensão de sinais e coordenação motora do cão.

  • Leve-o ao veterinário

Quando novos, fazer visitas anualmente ao veterinário é essencial para manter a saúde canina em dia. Essa atitude garante a prevenção ou a identificação de doenças que poderiam levar o animal a óbito. Já a partir dos oito anos, as visitas devem ser feitas a cada seis meses, visto que a imunidade do cão diminui bastante e a chance dele contrair doenças é maior. Durante a consulta, não deixe de relatar tudo o que aconteceu e aproveite para tirar todas as dúvidas.

  • Vacinas para cachorro

As vacinas de cachorro devem ser aplicadas a partir do 45° dia de vida com a finalidade de evitar vários problemas de saúde — os quais podem interferir na qualidade de vida do seu pet. As primeiras vacinas obrigatórias são a V6 e a V8, conhecidas como vacinas múltiplas (de 6 a 12 semanas de vida — protegem contra uma série de doenças) e a antirrábica (por volta de 16 semanas — contra a raiva).

Lembre-se: a vacinação canina não acontece apenas na fase filhote, ela deve ser reforçada anualmente. E se você adotou um cão adulto que ainda não foi vacinado, leve-o ao veterinário para que ele possa administrar as doses de vacinas obrigatórias.

  • Crie o hábito de passear com o cachorro

O hábito de passear com o cachorro só traz benefícios, principalmente para a saúde mental e corporal, tanto do pet como do tutor. A prática de atividade física evita doenças como a obesidade. Por isso adicione passeios semanais com o cachorro na sua lista de prioridades, viu?

  • Cuide da higiene canina

Preocupe-se em manter a higiene canina sempre em dia, ou seja, dar banho quando houver necessidade, cortar as unhas (se não tiver experiência no assunto, leve-o para um profissional capacitado), escovar o pelo para evitar doenças de pele, entre outros detalhes importantes na higiene diária de um cão. Ah! Mantenha o ambiente dele sempre limpinho também, viu? Isso diminui as chances da proliferação de pulgas ou carrapatos.

  • Opte pela castração de cachorro

Além de ajudar no controle da população canina, a castração de cachorro pode aumentar a expectativa de vida do animal, impedir a reprodução indesejada, entre outros benefícios. Na maioria dos casos, o comportamento do cachorro castrado também muda — ele se torna menos agitado e ansioso.

Indicamos que procure um veterinário de sua confiança e busque orientações sobre o procedimento.

  • Dê atenção e carinho

Todo animal merece ser amado e respeitado, e quando você toma a decisão de adotar um cachorro precisa ter em mente os pilares de uma guarda responsável — dar atenção e carinho para o seu fofucho também faz parte disso!

  • Faça o adestramento de cães

O adestramento de cães é uma prática muito importante para o tutor que busca uma convivência mais tranquila com o pet. Quando você adestra, impõe limites, ensina comandos úteis no dia a dia (sentar, deitar, rolar, fazer com que ele entenda o significado do “não” etc.) e torna seu cachorro mais sociável também.

  • Esteja sempre com ele!

Por fim, para você ganhar o prêmio de mamãe do ano é necessário… Estar sempre com ele! Sim, uma boa mãe está sempre por perto, observando, cuidando e mimando muito seu filhote, né? A sua verdadeira missão é fazer seu cachorro se sentir especial todos os dias!

Artigos Relacionados