Ínicio > Gatos > Saude-felina > Doação de sangue de cães e gatos: seu peludo pode salvar vidas

Doação de sangue de cães e gatos: seu peludo pode salvar vidas

Doação de sangue de cães e gatos: seu peludo pode salvar vidas

A doação de sangue ajuda a salvar milhares de vidas todos os dias, mas você sabia que assim como nós, os pets também podem doar e receber sangue?


Para poder ajudar outros animaizinhos em situação de emergência é preciso que seu cão ou gato atenda a alguns requisitos para doar sangue.


O que seu cãozinho precisa para ser um doador de sangue:


- Pesar mais de 25 kg;


- Ter entre 1 e 8 anos;


- Possuir temperamento tranquilo para facilitar o procedimento;


- Estar com as vacinas e vermífugos em dia, bem como o controle de carrapatos e pulgas;


- Estar clinicamente saudável;


- Fêmeas não podem estar no cio ou prenhas.

Para seu gatinho ser um doador de sangue, ele precisa:


- Pesar no mínimo 4,5 kg; 


- Ter entre 1 e 8 anos; 


- Ser dócil para facilitar o procedimento; 


- Estar com as vacinas e vermífugos em dia, bem como o controle de carrapatos e pulgas; 


- Estar clinicamente saudável; 


- Fêmeas não podem estar no cio ou prenhas.

Mas como é feita a doação de sangue de cães e gatos?


O processo de doação de sangue de cães e gatos é bastante similar ao nosso e não costuma durar mais do que 15 minutos. O pet só precisa estar em jejum há 4 horas e ficar quietinho durante a doação de sangue.


E se você tiver dúvidas em relação à segurança do seu animalzinho, saiba que a doação de sangue de cães e gatos não oferece nenhum risco! Como acontece conosco, ao final do procedimento, ele poderá sentir um pouco de fraqueza nas primeiras 24h, mas é algo passageiro e muito comum. 


Tratamento com o sangue doado


Além das cirurgias, o sangue é totalmente útil para o tratamento de várias doenças, como a doença do carrapato, doença renal crônica, anemia hemolítica e muitas outras.


Pratique esse ato de amor e solidariedade


A prática de doação de sangue animal tem crescido bastante em muitos hospitais veterinários, bem como clínicas onde são realizados procedimentos cirúrgicos que têm seus próprios bancos de sangue.


Informe-se na sua cidade e ajude a salvar outras vidas junto ao seu melhor amigo!

Artigos Relacionados