Ínicio > Gatos > Lar-doce-lar > 5 dicas para tornar o inverno do felino mais quentinho

5 dicas para tornar o inverno do felino mais quentinho

5 dicas para tornar o inverno do felino mais quentinho

Felinos sofrem com as baixas temperaturas e a pelagem não é suficiente para mantê-los aquecidos, por isso, algumas medidas podem impedir que eles sofram ou fiquem doentes por causa do tempo frio.

Os cuidados especiais são importantes porque existem doenças que são comuns no inverno, como a rinotraqueíte – um complexo respiratório que se manifesta em baixas de imunidade e aparece através da secreção nos olhos, nariz e espirros.

Já os gatinhos que sofrem com bronquite, ou asma, tendem a piorar nessa época do ano porque aumentam as crises de tosse e desconforto respiratório.

Os bichanos são tão sensíveis ao tempo frio que são capazes de contrair uma hipotermia – quando o gato sofre com baixas nas extremidades mais frias e há menor circulação de sangue.

Pode-se verificar se o gatinho está hipotérmico apalpando as orelhas e as patinhas. Elas estarão geladas com a queda da temperatura corporal.

Mas, para que nenhum cuidado passe desapercebido pela mamãe, daremos TODAS as dicas para certificar que o peludo não sofra com o inverno!

1 – Mantenha as almofadinhas das patinhas bem quentinhas!

Elas ficam úmidas com facilidade, e isso pode fazer com que os felinos sofram com rachaduras, causando dor e desconforto, por isso, recomenda-se o uso de hidratante específico para gatos.

É importante que o veterinário de sua confiança seja consultado para receitar o produto mais adequado para o bichano, bem como, explicar as formas corretas de aplicação – já que os gatinhos têm o costume de lamber as almofadinhas constantemente, e isso, faz com que o hidratante não seja absorvido.

Outro método que protege as almofadinhas e que pode ser feito em casa é a limpeza, pois deixá-las secas evita a rachadura.

2 – Todo gato merece um lar quentinho!

Reserve um ambiente da casa que seja quentinho e isolado para o felino dormir. Faça uma caminha com cobertas e deixe um ninho bem aconchegante para o peludinho, tudo que aumenta o calor corpóreo do animal é um bom aliado para conter o frio.

Em relação às roupinhas, pode ser uma boa pedida, mas é importante que o bichano aceite e se sinta confortável.

Muito importante: deixe que o gatinho tenha um tempo para o banho de sol!

3 – Os banhos realmente são necessários?

É recomendável evitar o banho no inverno, pois a temperatura do corpo do gatinho fica ainda mais baixa, o que aumenta as chances dele sofrer com o frio. Caso realmente seja necessário, certifique-se de que fique bem seco, por isso use a toalha e o secador.

4 – Gatinhos idosos x Inverno!

Gatinhos idosos, geralmente, sofrem com um processo de degeneração das articulações, que é a artrose – uma doença que piora com o tempo frio.

Não deixe que o lindinho suba em superfícies altas, pois assim, reduz as chances de sofrer com a dor.

5 – Seja o quentinho do seu gatinho e se beneficie com isso!

Ficar próximo de coisas quentinhas no frio é a melhor coisa do mundo, não é mesmo?

 

Aproveite que você tem um gatinho, que é a bolinha de pelo mais gostosa do mundo, e faça do seu inverno uma estação de mais amor. Fique junto dele o máximo que puder, afinal de contas, todo mundo fica quentinho nessa junção! <3 

Artigos Relacionados