Selecione o idioma:
Você está em: Gatos > Alimentacao felina > Cuidados para a...

Dicas e cuidados com o seu gato

Cuidados para adotar gato recém-nascido

Cuidados para adotar gato recém-nascido

Adotar um gato recém-nascido é um ato de amor, principalmente quando são resgatados das ruas, pois, estima-se que 10% do total de cães e gatos no Brasil morrem abandonados. Estar preparado para ajudar um pequeno felino é fundamental para salvar sua vida. Cuidar de um gatinho neonato sem sua mãe é um grande desafio, pois ele conta com você para se desenvolver com saúde. São diversos cuidados importantes, como a alimentação, manutenção da temperatura corporal, higiene e outros que seriam desempenhados pela mãe.

Quando você resgata um felino das ruas, ganha uma nova missão: ser mamãe de gato! Dar todas as condições para que este pequeno cresça e tenha muita saúde deve ser seu principal objetivo. Para isso, é importante que aprenda tudo sobre os filhotes recém-nascidos e, pensando em te ajudar, vamos dar dicas sobre os cuidados que deve ter ao adotar um gato recém-nascido.

 

Primeiros cuidados ao encontrar gato recém-nascido abandonado

Um cuidado imediato que deve ter ao encontrar um gato recém-nascido na rua é com a sua temperatura corporal. Nos primeiros dias após o nascimento, os pequenos não conseguem regular sua temperatura e ficam hipotérmicos sem o calor do corpo do mãe e, por isso, você deve providenciar uma bolsa térmica, mantas e uma caixinha bem aconchegante.

 

Visita ao veterinário

Após aquecer o gatinho recém-nascido, leve-o ao veterinário o mais rápido possível. É aconselhável que nem leve o filhote para casa antes da consulta, pois o pequeno pode ter vermes e outras doenças que podem ser transmitidas aos seus demais animais de estimação. 

Os filhotes recém-nascidos abandonados não possuem proteção alguma contra doenças, pois o sistema imunológico está fraco, já que não receberam o leite materno que é rico em anticorpos. Por isso, a visita ao veterinário é essencial. Além de fazer uma avaliação da saúde do animal, ele dará todas as orientações para cuidar do gatinho e você poderá tirar suas dúvidas.

 

Cuidados com a alimentação do gato recém-nascido

O leite materno é o alimento mais importante da vida do gatinho, mas na falta, você pode contar com Max Milk Gatinhos Substituto do Leite Materno que é um composto desenvolvido especialmente para alimentação emergencial de felinos recém-nascidos.

Trata-se de um pó que deve ser misturado em água morna e dado em uma mamadeira para gato. Ele é enriquecido com vitaminas A e D, e é livre de lactose, que evita diarreia no animal. Para saber a frequência da alimentação e quantidades certas em cada refeição, siga as orientações da embalagem.

 

Massagem para evacuação

Os gatos recém-nascidos  nem sempre conseguem fazer suas necessidades fisiológicas sem ajuda, por isso, as gatas estimulam os pequenos lambendo-os após as mamadas. Para ajudar os filhotes órfãos, você pode pegar uma gaze ou um algodão umedecido com água morna e fazer uma massagem nas regiões genitais e ânus.

 

Cuidados em casa para adotar gato recém-nascido 

Ao levar o filhote recém-nascido para sua casa, encontre um ambiente tranquilo para ele. Não podem ficar em locais com muita circulação de pessoas ou animais, evite manipular muito o felino, pois ele precisa de descanso. Também é essencial manter a caixinha sempre limpa.

Fique atento a orientação do veterinário quanto ao melhor período para fazer a vacinação do gatinho. Ele deve ser imunizado para evitar determinadas doenças.