Ínicio > Gatos > Alimentacao-felina > Alimentação de gatos recém-nascidos

Alimentação de gatos recém-nascidos

Alimentação de gatos recém-nascidos

A alimentação dos gatos é um cuidado básico, e devemos ter atenção desde o início de suas vidas. Tudo começa com a amamentação, fundamental para que os filhotes recebam um alimento completo e rico em anticorpos logo nas primeiras horas de vida. Já os pequenos que não podem contar com a mãe, devem receber um substituto do leite e, para acertar na escolha, é importante conhecer bem as necessidades do filhote. 

Receber um filhote recém-nascido em casa é uma grande alegria, que vem acompanhada por um desafio também, pois estes pequenos possuem diversas necessidades e a responsabilidade é maior ainda quando se trata de um gatinho órfão. Sem a presença da mãe, os felinos precisam da sua ajuda para sobreviverem.

A primeira providência para salvar estes pequenos é cuidar da alimentação do gato recém-nascido, que deve ser unicamente com um substituto do leite, desenvolvido especialmente para os gatinhos. Atenção! Não dê leite de vaca para para seu bichano, pois ele possui muita lactose e pode causar diarreia, além de não oferecer todos os nutrientes que o animal precisa.

 

Alimentação para gatos recém-nascidos: substituto do leite

O Max Milk Gatinhos Substituto do Leite Materno é um alimento completo para o filhote se desenvolver com saúde e vitalidade. Trata-se de um pó que deve ser misturado em água morna e dado na mamadeira para gato. Este alimento é enriquecido com vitaminas A e D, livre de lactose e com as quantidades certas de nutrientes para o crescimento saudável dos filhotes.

Para saber qual a frequência certa e as quantidades indicadas para o gato recém-nascido, é importante pedir a orientação do veterinário e consultar a embalagem. Este alimento pode acompanhar o felino até a oitava semana, antes do final deste período, você precisa começar o processo de desmame.

 

Desmame de gatos filhotes

O desmame compreende ao período em que o animal passa do substituto do leite para o alimento seco. Esta transição pode acontecer por volta da sexta semana, e deve ser feita lentamente, concluindo-se por volta da oitava semana.

Comece acostumando o animal a tomar o substituto do leite em uma tigela, depois vá colocando um pouco da ração para filhotes junto ao líquido e, com o tempo, aumente a quantidade de alimento seco até que o gato esteja comendo a ração seca pura. Quando iniciar este processo, é importante que ofereça água em um pote separado.

 

Ração para gatos filhotes

A Max Cat Filhotes é uma ração para gatos a partir do segundo mês de vida, mas pode ser usado antes desta idade, no processo de transição do substituto do leite para a ração seca. Este alimento possui qualidade premium, que significa maior aproveitamento dos nutrientes e vitaminas.  A ração tem um sabor irresistível de frango para fazer seu gatinho se apaixonar.

 

Artigos Relacionados