Ínicio > Cães > Viagem > Vou viajar: meu cãozinho vai ou fica?

Vou viajar: meu cãozinho vai ou fica?

Vou viajar: meu cãozinho vai ou fica?

Finalmente as férias de verão chegaram, e a família toda vai viajar! Mas, espera aí, meu cãozinho também é parte da família! E agora, ele vai ou fica?

É comum bater aquela dúvida na hora de viajar, por isso separamos algumas dicas para ajudar a decidir o que é melhor para o seu companheiro:

É muito longe?

Evite viagens longas! Por mais que os animais se adaptem rapidamente as novas condições, mudanças de ambiente são muito estressantes e podem até causar estresse e diarreia. Fique ligado: os gatos estranham muito mais novos ambientes que os cães!

Vai estar calor?

O cão e o gato não suam como nós, e a temperatura corpórea irá se elevar muito em ambientes fechados! Mas caso a viagem de carro não seja longa, basta sair em um horário bem fresquinho e oferecer bastante água.

Cão bebendo agua

Como ele vai?

Caso você vá de ônibus ou avião, deve checar se a empresa permite transporte de animais ok? Cães e gatos suportam bem a viajem de avião, e o estresse diminui! Existem diversas regras e cuidados que devem ser seguidos para garantir a segurança dele, e a gente já explicou tudo aqui.

Cão na mala

Qual a idade dele?

Se seu melhor amigo for idoso, não é legal viajar com ele, devido aos cuidados necessários para sua saúde. O mesmo vale para os filhotes; se as vacinas ainda não estiverem em dia, viaje apenas em caso de necessidade e não o deixe próximo de outros animais, certo?

E ai, se decidiu?

Ele vai!

O meio de transporte deve ser baseado na distância! Você também vai precisar de alguns documentos:

Avião: para embarcar em viagens nacionais ou internacionais você precisa de um atestado de saúde fornecido pelo veterinário (no máx. 3 dias antes da viagem), e certificado de vacinação antirrábica (a vacinação deve ter sido feita 30 dias ou mais antes da viagem).

Carro: para viagens nacionais, a partir de julho de 2006, cães e gatos foram dispensados da emissão da Guia de Trânsito Animal (GTA), bastando levar atestado de saúde e de vacinação.

Ele fica!

Às vezes, seu amiguinho vai ficar bem mais tranquilo se não participar da viajem. Ele pode ser cuidado por um conhecido, ou em algum hotelzinho especializado! Ele com certeza vai sentir sua falta no começo, mas com bastante carinho e atenção vai se divertir um monte – e tirar umas férias também ;)

Artigos Relacionados