Ínicio > Cães > Saude > Cães com compulsão alimentar: como educar e evitar a obesidade canina?

Cães com compulsão alimentar: como educar e evitar a obesidade canina?

Cães com compulsão alimentar: como educar e evitar a obesidade canina?

Nós amamos ver os nossos pets se alimentando bem, não é mesmo? O sentimento é de que estamos cumprindo o nosso papel de papais e mamães. No entanto, se o seu amiguinho é desses que comem tudo o que aparece em sua frente, pode ser um problema comportamental, e é preciso estar atento quanto à compulsão alimentar em cães.

Assim como nós, o seu cãozinho pode desenvolver doenças sérias relacionadas à obesidade canina, como problemas cardíacos e respiratórios, além de sobrecarregar o seu esqueleto e causar dores nas articulações. Nossos amiguinhos comem o que servimos, o que significa que grande parte da responsabilidade é nossa.

O que é a compulsão alimentar?

Os cães com compulsão alimentar consomem mais do que necessitam, geralmente, para lidar com a depressão, o tédio e o estresse. Enquanto nós partimos para os doces e outros alimentos de alto teor calórico, os pets consomem mais ração para cães e outros petiscos que oferecemos.

A obesidade canina afeta mais as fêmeas que os machos, e os cães castrados tendem a engordar ainda mais. Como consequência da compulsão alimentar em cães, seu amiguinho pode sofrer sérias consequências, como:

- Risco aumentado em cirurgias;

- Maior pressão sobre o coração, pulmões, rins e articulações;  

- Agravamento de doenças articulares como artrite; 

- Desenvolvimento de problemas respiratórios em tempo quente e durante exercício;  

- Desenvolvimento de diabetes; 

- Aumento da pressão sanguínea, que pode originar problemas cardíacos;

- Aumento da probabilidade de desenvolver tumores;  

- Perda de eficácia do sistema imunológico;

- Problemas gastrointestinais.

O que fazer para emagrecer?

Aproximadamente um terço dos cãezinhos de estimação sofre com o problema, mas como educar e evitar a obesidade canina? Alguns cuidados simples podem corrigir e evitar a compulsão alimentar do seu cãozinho:

- Observe tudo o que o seu amiguinho come durante o dia;
- Reduza de 20 a 40% o valor energético da ração para cães sem diminuir o seu volume; para isso, ofereça a Max Light;
- Fracione a ração para cães em porções ao longo do dia;
- Não deixe alimentos ao alcance do cão e nunca dê comida caseira;
- Faça passeios regulares para desviar a atenção do cachorro da comida;
- Ofereça bastante água;
- Faça um acompanhamento com um veterinário especializado em comportamento.

Neste artigo, separamos para você algumas dicas para ajudar a ensinar o seu cãozinho a comer com mais moderação. Confira também aqui mais dicas com o nosso adestrador Jorge para solucionar a compulsão alimentar do seu cãozinho:

 

Artigos Relacionados