Ínicio > Cães > Higiene > 4 dicas para cães que ODEIAM banho

4 dicas para cães que ODEIAM banho

4 dicas para cães que ODEIAM banho

Cãezinhos podem sentir um verdadeiro trauma com o fato de tomar banho – só de escutarem a palavra, já saem correndo para se esconder, ou então, começam a tremer!

Seria possível superar este medo?

Existem treinos que fazem com que o animal se acostume com a água, bem como com todo o processo do banho.

Listamos dicas valiosas que contribuirão com as mamães que lidam com essa situação e não sabem mais o que fazer. Vamos lá?

1 – O agrado de todos os dias é fundamental

Prepare o cãozinho para o banho com todo carinho que ele merece, por isso, faça carícias no animal e agrade-o com petiscos. Isso fará com que o animal se sinta confortável com a situação e lide de uma forma melhor com o banho – não se esqueça de elogiar sempre que ele estiver calmo.

2 – Já tentou um passeio antes do banho?

Fazer com que o cãozinho se exercite pode ser uma boa pedida, por isso, tente uma longa caminhada pelo bairro, assim, na volta, estará com menos energia e isso fará com que aceite o banho de uma forma mais fácil.

3 – Lidando com o medo da água

O medo pode ser um dos principais motivos da dificuldade em banhar o seu cão, por isso, deixe a temperatura da água agradável e molhe o animal aos poucos.

Uma alternativa é o uso do chuveirinho ao invés do tanque, ou do próprio chuveiro, pois faz menos barulho e pode ser deixado de lado para o momento de ensaboar o cão.

Use, sempre, o tom de voz ameno para tranquilizar o cãozinho.

4 – O barulho do secador pode ser aterrorizante

Depois do banho, outro passo que pode provocar verdadeira comoção no animal é o uso do secador para que fique sequinho – importante lembrar que é essencial que o cãozinho fique completamente seco após o banho, pois caso contrário, ele fica exposto a friagem e pode ficar doente.

Uma das maneiras para fazer com que a secagem com o secador seja mais rápida é absorver bem a água com o auxílio de uma toalha, deixar o cãozinho um tempo no sol, depois finalizar com o secador em temperatura média – todo cuidado é precioso para não queimar a pele do fofinho.

 

5 – Paciência? SEMPRE!

Seja paciente com o seu cãozinho, por isso, lembre-se de que são diversos os fatores que fazem com que ele sinta receio do banho. Nada melhor do que muito amor, respeito e companheirismo para tornar este momento mais agradável para vocês, não é mesmo?

Artigos Relacionados