Ínicio > Cães > Alimentacao > Qual a quantidade ideal de ração para cães?

Qual a quantidade ideal de ração para cães?

Qual a quantidade ideal de ração para cães?

Você sabe quais cuidados deve ter com a alimentação canina para que seu companheiro se desenvolva bem? Se pensou que deve começar escolhendo uma ração para cães de qualidade, está certo, mas isso não é tudo. Saber dosar a quantidade de ração que seu cachorro necessita é importante para que tenha todas as suas necessidades nutricionais atendidas, sem que ocorra a superalimentação ou subalimentação.

As quantidades de ração mudam conforme a idade do cachorro, porte e tipo de ração, por isso, nas embalagens das rações caninas Max Premium Especial, você encontra indicações sobre a quantidade ideal de alimento para seu cão. 

Veja como escolher a ração adequada a fase da vida do cão:

●     Cães filhotes com até 1 ano de vida precisam contar com mais proteínas para o crescimento saudável dos músculos, pelos e fortalecimento das defesas naturais do corpo. Neste caso, é indicada a ração Premium Especial Max Crescimento Saudável, que possui 28% de proteínas de boa qualidade com alto índice de aproveitamento de nutrientes.

●     Depois dos 12 meses de idade, o animal se torna um cachorro adulto e precisa de uma ração com níveis nutricionais que atendam suas necessidades de acordo o gasto de energia. Para isso, conte com as rações para cães adultos Max Premium Especial. São diversos sabores para escolher.

●     Após os 7 anos de idade, os cães se tornam idosos e precisam de uma alimentação canina com alta digestibilidade e que ajude na saúde das articulações. A Max Premium Especial Mature é a melhor ração Max para seu animal.

Ao definir em qual categoria o seu cãozinho se encaixa, você precisa saber qual é o porte e peso do animal. Com estas informações, basta seguir as orientações do pacote de ração para descobrir qual a quantidade de ração que o cão precisa.

Além dos fatores citados, a quantidade de ração ideal também é influenciada pelo nível de atividade do cão. Os cães que se movimentam mais e fazem atividades físicas com frequência podem necessitar de mais alimento para repor a energia gasta, mas nestes casos, é importante que se busque a orientação de um veterinário para evitar erros nas quantidades oferecidas. 

Artigos Relacionados